Notícia

Nossa Senhora em minha vida

Foto: Redes sociais Ana Valesca

Tenho em meu coração a certeza de que sempre tive o amparo e a presença forte da Doce Mãe Maria desde meu nascimento até os dias de hoje.

Ainda criança, quando estudava no Colégio das Lourdinas, facilmente me envolvia com os encantos e a doçura daquela linda imagem que na representação de Nossa Senhora de Lourdes me trazia tanta paz! Até hoje tenho parte de uma coleção de “santinhos” de papel que, entre fazer um lanche na cantina ou ir à livraria do colégio comprar essas tradicionais lembrancinhas, a segunda opção sempre era a minha preferida.

Com Nossa Senhora, alcancei facilmente a Jesus! Minha primeira Eucaristia foi na Igreja Nossa Senhora de Lourdes no bairro das Trincheiras, na cidade de João Pessoa, onde também fui batizada. Não acho coincidência o fato de Nossa Senhora de Lourdes sempre estar presente na minha história, mas, tenho a plena certeza de que fui escolhida por ela para me fazer devota do Seu Imaculado Coração!

Já adulta, em meio às tribulações que a vida nos apresenta, algumas até por nossas escolhas erradas, NUNCA ESTIVE SÓ! Foi a minha Doce Mãe que sempre me amparou e acolheu em Seus braços maternais e me acompanhou nas noites escuras que vivi. Muitas foram as vezes que adormeci abraçada à Sua imagem quando a incerteza do amanhã me insurgia e amedrontava.

Um desses episódios aconteceu quando, vivendo o desgaste do meu matrimônio às portas de uma separação, entrei na capela das Lourdinas onde meus três filhos estudavam e onde eu fazia um momento de oração diante do sacrário todos os dias quando os ia deixar na escola. Nesta manhã, sozinha na capela, com toda a contrição do meu coração me voltei para a minha Doce Mãe de Deus, Nossa Senhora de Lourdes e as lágrimas me brotavam da alma! Pedi Seu socorro porque a dor de um casamento desfeito é imensa! De repente, eu estando ajoelhada e de olhos fechados, fui envolvida por um forte perfume de rosas. O cheiro era muito intenso e me assustei um pouco com isso. Abri os olhos e não havia absolutamente ninguém na capela além de mim! Muito emocionada, percebi que eu estava sendo visitada por Nossa Senhora e Sua presença me garantia: NÃO SE DESESPERE FILHA, EU ESTOU COM VOCÊ! De fato, os dias não foram fáceis, mas essa promessa se cumpre até hoje!

Como não enaltecer a nossa Mãezinha? Como não amá-la e venerá-la com todo o amor que Ela merece? Como não devotar à Ela nosso respeito, admiração e gratidão? Como ficar inerte diante dos Seus apelos quando ela clama por nossa conversão? Amemos a Virgem Maria com nossa vida, com nossos atos, com nosso testemunho, porque quem ama Nossa Senhora, estará amando a Jesus, Seu filho Bendito!

Nossa Senhora de Lourdes, rogai por nós!

 

Ana Valesca de Lucena Cahino
Missionária Doce Mãe de Deus